Campanha dos correios mobiliza sociedade para um natal mais solidário 

O papai noel dos correios muitas vezes é o único presente para muitas crianças

Chega dezembro e crianças em todo o Brasil já sabem o que fazer, é tempo de escrever uma cartinha para papai noel fazendo aquele pedido para o bom velhinho. Muitas dessas cartas vão parar nos Correios e antes de encaminhar para o Polo Norte, esses pedidos ganharam novos rumos. Já são 33 natais que os correios se mobilizam para levar um sorriso para crianças em todo o Brasil. A campanha deste ano escolheu o tema “Papai noel existe e eu posso chamar de você” para incentivar a adoção de cartas.

A campanha faz parte da vida de Ademir Junior desde a sua infância, quando realizou o sonho ganhando um presente de natal. “Quando eu tinha 10 anos, minha mãe escreveu uma cartinha para o papai noel e colocou nos correios, e através dessa carta, eu realizei meu sonho que era ganhar uma bola de futebol. Pessoas que tiveram o coração de ouro adotaram o meu pedido, e eu recebi esse presente”, afirma Ademir. 

A ação marcou tanto a história de Ademir que ele hoje adota as cartinhas para ajudar outras crianças. Ele será novamente um dos padrinhos da campanha. Segundo Ademir, as crianças criam uma expectativa muito grande pela chegada do papai noel, e para ele, quando recebeu o presente que tinha pedido na cartinha, foi um momento sublime que marcou a vida dele para sempre: “Sensação de extrema felicidade”, afirma. 

No áudio abaixo, ele fala sobre a sensação de poder presentear uma criança no natal. Confira:

Existem duas possibilidades para quem deseja ser um dos padrinhos da campanha, podendo ser feita de forma online ou presencial. Para adotar uma cartinha sem sair de casa, basta acessar o site da campanha e procurar a aba “Adoção On-line”, depois é só seguir o passo a passo indicado na tela. Mas quem prefere ler pessoalmente essas histórias, deve se dirigir até uma das unidades dos correios participantes, são mais de 20 agências em todo o estado do Rio de Janeiro. Lembrando que em ambas as formas, a pessoa poderá ler e escolher a cartinha que irá adotar.

No caso da adoção feita de maneira presencial, a entrega do presente deverá ser realizada na mesma unidade em que a carta foi retirada, e na adoção on-line, deve ocorrer no ponto mais próximo ao indicado por você no site. Lembrando que os presentes deverão estar identificados com as informações presentes na carta. Marcela Fluck, coordenadora estadual do papai noel dos correios, comenta sobre o momento da entrega dos presentes: “É um momento muito mágico ver o brilho no olho das crianças. Nada pode pagar essa oportunidade que nós temos de fazer o bem”, afirma Marcela.

No ano de 2021, mais de 150 mil cartinhas foram adotadas, e no vídeo abaixo, a coordenadora falou sobre os presentes mais pedidos pela criançada: Confira.


Marcela Fluck comentou sobre o tamanho da importância que uma campanha como essa pode ter no natal de uma criança: “Recebemos inúmeros relatos de crianças e responsáveis dizendo que o presente recebido através da campanha, foi o único que ela recebeu naquele ano”, afirma a coordenadora. 

Igor Concolato – 2° período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s