Reconhecimento feminino nos e-sports

Team Fontt vence primeiro campeonato feminino de Rainbow Six e revela como as mulheres têm tudo para dominar o universo dos esportes eletrônicos

SONY DSC
Final feminina no Rainbow Six. Foto: Bárbara Faria

A história de que videogame é coisa de menino ficou no passado. O jogo Rainbow Six Siege vem crescendo no cenário competitivo e dando oportunidades para as garotas. Por isso, surgem cada vez mais iniciativas para incentivar equipes femininas. Elas estão se unindo e conquistando o espaço dos esportes eletrônicos. Na noite de domingo do Geek&Game Rio Festival, foi realizada a grande Final do Circuito Feminino de Rainbow Six Siege.

Após enfrentar etapas online da competição, as meninas participaram da final presencial no Game Stadium. Dentre as quatro equipes finalistas, apenas duas passaram das semifinais. A disputa foi entre RevoltZ e Team Fontt. Mesmo com o nervosismo evidente, elas conseguiram se destacar no jogo e ganhar aplausos da platéia.

A dedicação faz parte do equilíbrio do time. A jogadora do Team Fontt, Maria Lombardi, mais conhecida como Russa, contou que as garotas são muito unidas e que pretendem conquistar mais espaço. “Temos uma expectativa muito grande e, com certeza, queremos chegar numa pro-league. Nós temos capacidade e isso aqui é só o começo de tudo”, relata.

O apoio entre as mulheres é importante. A youtuber e contratada da Revoltz como streaming, Lorraine Moraes, 28 anos, relatou que ainda não jogou RainbowSix, mas que estava ali para apoiar a equipe. “É um reconhecimento para o time feminino porque ainda há muito preconceito. É uma maneira de mostrar nosso potencial como jogadoras”, conta.

As equipes cativaram o público masculino com o desempenho no jogo. Felipe Flor, 25 anos, joga Rainbow Six casualmente e resolveu assistir à final. Ele relatou que as competidoras jogam muito bem. “Isso atrai o público feminino para os jogos e ajuda a ampliar o cenário. Elas jogam melhor do que eu”, afirma.

A iniciativa pode trazer oportunidades de participar de outros eventos presenciais. Para as jogadoras, esse avanço aumentará a confiança delas e ajudará o cenário a crescer. Não é uma maneira de segregar, mas de incentivar as mulheres a mostrar que elas são capazes de jogar tão bem. As duas equipes demonstraram isso com muita habilidade, mas Team Fontt vence de 2 a 0 o Circuito Feminino de Rainbow Six.

Bárbara Faria, 6º período.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s