Oportunidades pelo exterior

Salão do Estudante incentiva intercâmbio para os brasileiros

WhatsApp Image 2018-03-08 at 13.16.23
Foto: Ana Carolina Marinho 

Um currículo bom não é mais o suficiente. A grande concorrência no mercado de trabalho tem feito pessoas de todo o Brasil buscarem alternativas para o alcance de um futuro melhor. Com isso, o Salão do Estudante, a maior feira de intercâmbio da América Latina, abre as portas, nesta terça-feira (06/03), no hotel Rio Othon Palace, no Rio de Janeiro. O evento, que se iniciou em 3 de março, em São Paulo, é direcionado para todos os interessados em um diploma ou uma experiência internacional.

A ideia de levar oportunidades de trabalho para essas regiões surgiu há 25 anos, no Rio de Janeiro. O objetivo é divulgar informações sobre grandes universidades e escolas de idiomas. Além disso, traz respostas para dúvidas frequentes sobre a vida fora do país. Com estimativa de 6 mil visitantes por dia, os cursos de graduação e pós-graduação são destaques entre os estandes.

WhatsApp Image 2018-03-08 at 15.43.58
Foto: Nayara Simões

A procura por essas qualificações trouxe ao aluno de direito Alan Trindade um grande interesse pela feira. “Quero fazer um mestrado de Direito Internacional focado em política fora do Brasil e que esteja dentro da minha condição financeira”. Quem também está em busca de especialização é a estudante de Relações Internacionais Roberta Vilete. “É muito bom chegar aqui e poder conversar com representantes de universidades de vários países e poder esclarecer algumas questões que eu tinha”.

Esses comitês participantes auxiliam interessados em novos destinos a encararem países estrangeiros. É o caso da intercambista Vera Rocha, representante da Escola Avalon, em Londres, presente na feira. “O motivo de estarmos aqui é passar tranquilidade para os futuros viajantes”. Para ela, cidades europeias são boas escolhas pela facilidade de acesso para outros países e pelo valor cultural.

Outros grupos também marcam presença no evento. Entre eles, a Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, em Portugal, representada por Maria da Glória Fraga, que comenta sobre a vantagem dos brasileiros de irem para Vila Real. “O fato de a língua ser a mesma faz você se sentir em casa, além do custo de alimentação e estadia ser mais em conta do que no Brasil”. A portuguesa destaca que está encantada com a feira e pretende vir mais vezes para representar o país. O evento vai até o dia 19 de março e irá passar por outras capitais brasileiras com o intuito de entusiasmar outros jovens.

Ana Carolina Marinho 5° período e Nayara Simões 4° período

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s