UVA oferece minicurso gratuito de Jornalismo de Moda em 25/04

17833931_1492348307465147_8521037127825181971_o
Foto: Divulgação UVA

O mundo do jornalismo de moda, apesar de fascinante, é concorrido e exclusivo e para participar desse meio é preciso dominar algumas habilidades que podem se converter em estratégias para quem ainda está na graduação. É isso o que o minicurso de Jornalismo de Moda pretende mostrar. Marcado para  acontecer no Campus Barra da Tijuca, no dia 25 de abril, das 14h às 16h, o curso ministrado pela professora Renata Feital e organizado pelo curso de jornalismo, tem a proposta de mostrar uma visão contemporânea sobre a área, além dos detalhes sobre a cobertura dos impressos e da produção de editoriais.

Aluno do curso de Jornalismo da UVA Barra, Jeferson Hentz, sempre teve curiosidade sobre o assunto de moda, porém, nunca teve oportunidade de conhecer mais sobre o mercado de trabalho e de acompanhar o cotidiano dessa área. Ciente da importância que o jornalismo de moda tem para os alunos do curso de Comunicação Social, a Professora Renata Feital, que trabalhou com moda, cobrindo desfiles e alguns eventos internacionais, decidiu apresentar o panorama para o Campus Barra. “Quero juntar minhas experiências passadas e meu conhecimento atual para dar uma visão de como funciona esse mercado para os alunos”, afirma.

O minicurso terá duração de duas horas com o objetivo de apresentar um panorama sobre o jornalismo de moda dos principais veículos impressos, como as revistas, além das blogueiras que hoje ditam as tendências.

Estudantes de moda que quiserem desenvolver um olhar jornalístico sobre sua área, são bem-vindos no minicurso, pois poderão construir um repertório maior sobre sua área de atuação.

A Professora Renata Feital destacou que o que faz um bom profissional hoje no mercado da moda é a construção de um vasto repertório, que passa, inicialmente, por uma imersão nas culturas diversas das sociedades. “Estilistas não dominam apenas os assuntos voltados para a moda ou para a economia da moda. Jornalistas, então, mais ainda, precisam conhecer vários temas e saber que tudo está interligado”, conta.

A professora destaca que moda não é feita de superficialidade ou futilidade, julgamentos equivocados de pessoas que não entendem ainda a importância do tema. “A indústria da moda é responsável por 4,1% do PIB nacional e por mais de milhões de empregos por todo o Brasil, como classificá-la de futilidade?”

Para quem é apaixonado pelo mundo crítico da moda ou se interessou e quer saber mais sobre esse cotidiano, as inscrições para o curso são feitas online e vale 3 horas A.C. É uma ótima oportunidade de aprender e descobrir todas as dicas e curiosidades com alguém que tem boas histórias para contar e ensinar.

Giovanna Faria, 4º Período.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s