Qualificação profissional durante a quarentena

Cursos online gratuitos são opções para quem quer ser produtivo

O isolamento social fez com que algumas pessoas buscassem novas formas de aproveitar o tempo extra com atividades produtivas e, de quebra, se aprimorar profissionalmente. A oferta de cursos online gratuitos aumentou muito no último mês. O Ministério da Economia criou uma plataforma chamada “Todos por Todos”, que facilita o acesso a cursos de qualificação profissional. O Senai, Senat e Sebrae também estão ofertando alguns cursos gratuitos visando ajudar comerciantes, empreendedores e até desempregados.

Joice Casemiro é um exemplo de quem tem usado o tempo que lhe foi “dado” para desenvolver a carreira. Como a empresa em que ela trabalha alterou toda a escala de trabalho, a técnica em eletrônica diz que usa parte da nova rotina para estudar e procurar concursos. “Como a minha área é de tecnologia, eu preciso sempre estar atualizada, então procuro sempre fazer cursos gratuitos. Além disso, estou fazendo curso de inglês online porque sei que vai me ajudar em futuras oportunidades”, diz Joice.

Apesar de ter a chance de melhorar seu currículo, Matheus Oliveira não está sendo produtivo durante o isolamento social. O estudante de publicidade, de 23 anos, conta que investiu um valor significativo em um curso online de design, mas que não consegue se concentrar para fazê-lo, mesmo com tempo de sobra. “Eu comprei o curso quando começou a quarentena. Alguns dias depois eu fui demitido do meu emprego e decidi que começaria as aulas. Até hoje eu não terminei porque me falta disciplina e eu fico deixando sempre para depois”, conta Matheus.

A especialista em RH, Juliana Meireles diz que o momento atual é uma oportunidade para quem está buscando recolocação no mercado de trabalho. Segundo ela, os cursos online gratuitos são uma ótima ferramenta para se diferenciar de outros candidatos. “Devido à pandemia, as empresas estão contratando profissionais em um ritmo mais lento, mas isso vai passar. Quem não está aproveitando o tempo em casa agora, não poderá reclamar depois de falta oportunidade”.

Além disso, Juliana também diz que as redes sociais utilizadas para procurar emprego, como o LinkedIn e Glassdoor, são ferramentas importantes, uma vez que a única forma de mostrar o currículo é através da internet, ela aconselha que a cada novo curso ou workshop os dados sejam atualizados nas redes sociais para futuras oportunidades.

Confira as dicas da Especialista de Rh, Juliana Meireles:

Pedro José Alves – 7º Período | Jornalismo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s